segunda-feira, abril 23, 2007

Bodas de Prata



Peço perdão a todos os amigos que me visitam e não são Portistas, ou que simplesmente não gostam de futebol, mas não posso deixar passar esta data em claro.

Há 25 anos atrás, chegou à presidência do Futebol Clube do Porto um homem que se chama Jorge Nuno de Lima Pinto da Costa. Chegou à presidência com a promessa de levar o FCP a uma final Europeia e de rebaixar o relvado do estádio das Antas.
Na altura muita gente não acreditava que isso fosse possível, principalmente os adeptos de outros clubes, visto que o FCP até há bem pouco tempo (época de 1977/1978) tinha passado 19 anos sem ganhar o campeonato nacional. Este jejum foi terminado por Pinto da Costa, ainda não como presidente, mas como director do departamento de futebol. Para aceitar o cargo de director, exigiu da direcção o treinador José Maria Pedroto, escolha acertada como se viu, pois logo na primeira época ganhou a taça e na época seguinte (1977/1978) venceu o campeonato que fugia ao FCP há 19 anos.
Como presidente, Pinto da Costa não só cumpriu o que prometeu, como fez muito mais... Pegou num clube que na altura era um clube de bairro e que quando passava abaixo do Rio Douro já estava a perder 1-0, e transformou-o numa potência do futebol nacional e europeu.

O estádio das Antas foi rebaixado em 1986, tendo sido assim cumprida a promessa, mas, Pinto da Costa foi mais longe, porque hoje o FCP tem o estádio do Dragão, quanto a mim o mais bonito estádio Português.
Quanto à promessa de levar o FCP a uma final Europeia, essa foi cumprida de uma forma estrondosa. O FCP não só foi a uma final Europeia, como venceu 4 finais(uma Taça dos Clubes Campeões Europeus-1987, uma Supertaça Europeia-1987, 1 Taça UEFA-2003, uma Liga dos Campeões-2004). Nunca me vou esquecer do dia 27 de Maio de 1987, quando depois de 77 minutos de sofrimento, Madjer com o seu calcanhar e Juary colocaram o FCP nos píncaros da Europa vencendo a Taça dos Clubes Campeões Europeus frente ao Bayern de Munique. Recordo várias pessoas a chorar de alegria e recordo especialmente a linda Avenida dos Aliados, como era antes da intervenção de Siza o Huno, cheia como nunca a tinha visto até então e arrisco-me até a dizer, cheia como nunca mais esteve, pelo menos eu nunca mais a vi assim. Nesse ano o Porto conquistou ainda a Taça Intercontinental e a Supertaça Europeia, fazendo assim o pleno para espanto de todos e gáudio dos adeptos Portistas. Recordo também a final de sofimento da Taça UEFA em 2003. Nesse dia às 2 da tarde já estava no café a marcar o lugar onde ia ver o jogo. O café parecia um estádio, cheio de cachecois e bandeiras e o dono(Benfiquista) até pôs o CD dos Super Dragões a tocar. Depois de um jogo de nervos em que o Porto marcava e o Celtic marcava logo a seguir, quando o Derlei fez o 3-2, o café explodiu de alegria e era ver cerveja pelo ar, cadeiras no chão e toda a gente abraçada aos saltos. No final do jogo nem conseguia falar, mas a minha alegria era imensa! Que grande jogo e que grande emoção, 16 anos depois eu voltava a ver o Porto vencer uma final Europeia. No ano a seguir o FCP venceu a liga dos Campeões, mas a final não teve a emoção da anterior, pois o FCP dominou o jogo completamente. Por todas estas alegrias é que, acho que Pinto da Costa merece o meu reconhecimento.

Mesmo com todas suspeitas (pelas quais, se forem provadas, deve ser punido), polémicas e tentativas de afastamento, este homem deixou uma marca indelével no futebol Português, pois colocou o FCP e por arrasto a cidade do Porto nas bocas do mundo. Claro que isso trouxe desgostos e amarguras a muita gente (especialmente aos 6 milhões...) e por isso é uma personagem tão polémica, pois nunca se calou e contra tudo e contra todos, sempre defendeu com unhas e dentes o seu clube.

Esta é a minha simples homenagem ao homem mais odiado de portugal, não tenham dúvidas, ele é mesmo o mais odiado, que por mim pode ficar pelo menos mais 10 anos à frente do meu clube do coração, pois não há no futebol nenhum outro dirigente que lhe chegue aos calcanhares.

Peço perdão por este post revelador da minha "clubite", mas que diabo, um blog também serve para mostrarmos o que nos vai na alma, em plena liberdade, sem receios. Estou certo que todos os que me visitam compreeenderão.
Os meus parabéns ao "Papa". :)

11 Comments:

Blogger Belzebu said...

Bom, eu ...é mais bolos! Não gosto muito de papas e muito menos deste! Respeito a vossa devoção mas lamento não subscrever, apesar ser um tripeiro com orgulho!

Saudações infernais!

1:33 da manhã  
Blogger jpg - o sineiro said...

OUTSIDER:

Dou-te os parabéns, a ti, por tudo o que o FCP conseguiu nos últimos vinte anos.
Acho mesmo natural que um portista goste do sr.Pinto da Costa pois ele trouxe, sem dúvida, vitórias ao clube.
Devo dizer-te que eu, nascino no Porto, mas benfiquista desde sempre, na noite da magia do Madjer, telefonei para sede do Porto em Lisboa, na altura ainda na Av. AntºJosé de Almeida, ali pertinho da estátua onde costumam pôr flores no dia 10 de Junho, e dei os parabéns emocionados a quem me atendeu e dizendo-lhe que era um benfiquista que estava a falar.

Portanto, estou à vontade para te dar a ti os parabéns. Quanto ao Pintinho, pá, é que não pode ser nada, desculpa-me! Conseguiu os títulos, fez crescer o clube, tudo certo, tudo bem, mas como pessoa ao que tenho visto nestes anos todos, o tipo é maquiavélico...
Peço-te desculpa que não vim aqui para insultar ninguém!

Olha, um grande abraço, com Pintinho, sem Pintinho, com vitórias, empates ou derrotas.

2:12 da manhã  
Blogger KA said...

Outsider,

Concordo contigo pois seria uma inocência muito grande julgar-se que toda uma obra feita durante 25anos, não fosse também por mérito próprio. (temos o exemplo das competições europeias)

12:24 da tarde  
Blogger Meg said...

E eu, ninguém me dá os parabéns?
VIVA O PORTO! (mas não gosto de murcões nem de claques).
Porque é que não há mulheres a comentar em imensos blogues? Vocês tratam-nas mal?
Um abraço

2:06 da tarde  
Blogger Outsider said...

belzebu:
Seja bem vindo ao meu blog. É sempre bom receber aqui amigos tripeiros, mesmo que não sejam do FCP. Além disso foi a primeira vez em quase um ano que falei de futebol e tão cedo não vou voltar a falar. Fico à espera de novas visitas.
Um Abraço.

12:40 da tarde  
Blogger Outsider said...

jpg:
Aceito e agradeço os parabéns, meu amigo. Isto do futebol e clubites faz parte das nossas emoções enquanto pessoas, faz-nos vibrar, mas não é de todo o mais importante. Importante é a amizade e sabermos viver em sociedade, com civismo e camaradagem, saber louvar o que está bem e apontar o dedo ao que está mal.
Compreendo perfeitamente que não gostes do Pintinho, se eu fosse de outro clube, também não gostava dele.
Um grande Abraço.

12:44 da tarde  
Blogger Outsider said...

ka:
Como é óbvio, tentam denegrir a imagem do Porto levantando suspeitas, mas as grandes conquistas europeias falam por si. É claro que isto doi a muita gente, mas nós podemos bem com eles... :)
Um Abraço.

12:46 da tarde  
Blogger Outsider said...

meg:
Dou-te os meus parabéns!! Viva o Porto! Quanto às claques, tqambém não gosto muito delas e os morcões aturam-se...
Podes sempre vir cá comentar que aqui serás sempre bem tratada.
Um Abraço.

12:48 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

A minha filha mais nova é meia 'doente' pelo FCPorto. Quando era mais miúda [14-15] e via na televisão aquelas entrevistas em que Pinto da Costa 'despachava' os entrevistadores sem papas na língua, dizia sempre:

"Este homem é o 'máximo'!..."

Eu concordo com ela.

Um Xi da Porca

2:26 da tarde  
Blogger euseinadar said...

É, sem dúvida, o maior presidente! Os resultados falam por si!

12:47 da tarde  
Blogger tb said...

Não és nada tendencioso :)))))
PArabéns a ti pela tua equipa. Já sabes que sim, agora ao homem...eu cá sinceramente n morro de amores. Por isso fica com a equipa e com os louros dela. Fica também com um beijinho meu e um sorriso que és assim mas és bom rapaz. :))))))

5:07 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home